Arte Pop Soviética e a Prevenção de Acidentes No Trabalho

“Nunca use água para extinguir o fogo em um motor! A água é um condutor de eletricidade!” (Imagem: Reprodução/Internet)

Os pôsteres usados pelo regime socialista da União Soviética (1922-1991) não apenas divulgavam uma ideologia política e propagandas enaltecedoras ao regime. Eles também fizeram parte importante de campanhas de utilidade pública, como estes—por vezes aterrorizantes—pôsteres, exemplos fantásticos da arte pop dos anos de 1920 e 1930, direcionados à prevenção de acidentes no trabalho.

Por mais contrária aos ideais e regimes comunistas que uma pessoa sensata possa ser, é difícil não ceder ao conteúdo artístico (a criatividade, a beleza) embutido na maioria dos pôsteres soviéticos, que certamente cativavam a atenção da população em um piscar de olhos.

Os desenhos de linhas rígidas, a combinação energeticamente simples e econômica de cores, e as letras arrojadas do alfabeto cirílico criaram pôsteres com um grande vigor artístico e dramático que vão bem além de suas estórias, mensagens, e ideais políticos.

“Ei, seu distraído! Não deixe o seu amigo aleijado!” (Imagem: Reprodução/Internet)

“Eles estão trabalhando lá em cima”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Durante o século 19 os pôsteres eram usados primeiramente como um meio de divulgação e publicidade. Foram necessários os eventos da Primeira Guerra Mundial e da Revolução Russa para transformar o uso comercial dos pôsteres em um meio de propaganda e educação. O pôster tornou-se um meio de educar ou reeducar uma nação de acordo com as crenças de seus líderes—seja como um ponto unificador durante a guerra ou seja para inspirar revolução”. (Dangerous Minds)

“Não Caminhe Sob o Eixo de Transmissão!” (Imagem: Reprodução/Internet)

“Não limpe o cilindro enquanto este estiver em movimento”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Para a Rússia Soviética o pôster foi um meio de difusão de informações estatais para a população por todo aquele vasto e diversificado país. O analfabetismo foi um problema na Rússia—segundo o censo nacional de 1897, sob o regime czarista apenas 28,4% da população era alfabetizada. Após a revolução, Lenin prometeu ‘liquidar o analfabetismo’ e em 1926, 56,6% dos russos constavam como alfabetizados”. (Dangerous Minds)

“Preste atenção nos amortecedores”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Cuidado com os salpicos! Eles podem te queimar”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Não desorganize o seu local de trabalho”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“No entanto, o fato de que pelo menos metade de sua força de trabalho era analfabeta foi um obstáculo para a planejada industrialização soviética do país. A força de trabalho teve de ser educada o mais rápido e eficazmente possível. Para resolver o problema de prevenção de acidentes, foram produzidos pôsteres para disseminar avisos claros e sucintos sobre todos os possíveis perigos enfrentados pela mão de obra soviética na indústria e na agricultura. ‘Tenha cuidado com a forquilha’, ‘Ei, seu distraído! Não deixe o seu amigo aleijado!’ ou ‘Não ande em peixes!’ reforçaram a necessidade do indivíduo assumir a responsabilidade de suas próprias ações para o benefício de um bem maior. Embora muitas das mensagens podem hoje nos parecer bizarras ou estranhas (‘Um ventilador é um amigo no trabalho. Deixe-o trabalhar para sempre’.), todas elas refletem uma mudança revolucionária na qualidade da saúde e da segurança no trabalho”. (Dangerous Minds)

“Tenha cuidado com a enxada”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Empilhe os tijolos de maneira correta!” (Imagem: Reprodução/Internet)

“Um ventilador é um amigo no trabalho. Deixe-o trabalhar para sempre”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Ao lançar a defensa, segure a braçadeira”. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Recipientes de produtos químicos devem ter rótulos precisos!” (Imagem: Reprodução/Internet)

“Não ande em peixes!” (Imagem: Reprodução/Internet)

“Não deixe nada sem amarração. (Imagem: Reprodução/Internet)

“Eu estava bêbado no trabalho”. (Imagem: Reprodução/Internet)

Seja como fonte propagadora de uma ideologia política, ou seja como fonte de educação e informação, o apelo artístico dos pôsteres-propaganda soviéticos certamente conseguiam primeiramente captar os olhos, para depois captar mentes e corações.

c&p

Fonte: Dangerous Minds; Flashback; English Russia; BMJ Blogs.

2 comentários:

  1. O analfabetismo continua até hoje sendo um sério problema enfrentado por grande parte dos países. Poucos conseguiram reduzir esse índice a níveis bem próximos do ideal, que seria "zero".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza Décio.

      Sua observação me fez lembrar de uma frase de um bem recente artigo publicado em uma revista brasileira de grande circulação, que dizia algo como, "mais presídios, menos escolas".

      Obrigado por seu comentário.

      Excluir

('Trollagens' e comentários Desrespeitosos e Ofensivos não serão publicados):